Exercícios ao ar livre tornam as pessoas 50% mais felizes



Exercícios ao ar livre tornam as pessoas 50% mais felizes

Além das paredes das academias existe um mundo que faz com que manter a forma seja mais prazeroso


Se você não pratica atividades físicas porque se sente enclausurado dentro da academis, você não está só. Uma pesquisa da Universidade de Glasgow, na Escócia, aponta que praticar exercícios ao ar livre torna as pessoas 50% mais felizes do que em uma academia. E não é só isso: outra pesquisanorte-americanamostrou que a prática ajuda a reforçar o hábito, pois quem escolhe ambientes externos declara uma maior intenção de repetir a atividade posteriormente.


A corrida, por exemplo, ainda é um dos esportes que mais conquista adeptos em todo o mundo. Apesar do cenário brasileiro econômico desfavorável, esse mercado foi um dos poucos que não foi afetado pela crise do país. No Brasil ele gera uma receita anual de R$ 3 bilhões, com crescimento de 20% ao ano. Uma modalidade que vem crescendo e atraindo público é a trailrun, mais conhecida como 'corrida de montanha'.


Para o professor de educação física, Adevan Pereira, essa prática proporciona ao atleta a interação com a natureza, unindo diversão, aventura, desafio e competitividade em um mesmo evento. "Como o percurso das competições geralmente acontece em trilhas e estradas não pavimentadas, as provas dessa modalidade exigem um melhor preparo físico e disposição. Os atletas não só têm que ser rápidos, mas precisam demonstrar uma capacidade de resistência maior", afirma o profissional.


Pereira ressalta que os exercícios ao ar livre são excelentes alternativas para quem não gosta de se exercitar em um ambiente fechado, como a academia. "Além do prazer que o aluno encontra em se exercitar, ele desfruta de um tempo de grande contato com a natureza e consigo mesmo".

 

 

    • Parceiros de Conteúdo

 

                logo ABQV p                                Dell Ambiente