6 superalimentos para o desenvolvimento das crianças



por Renata Menegatti
6 superalimentos para o desenvolvimento das crianças

Alguns alimentos são essenciais na dieta alimentar infantil, conheça quais e seus porquês

 

A educação alimentar transforma, previne e pode até tratar doenças sérias, como a obesidade e diabetes. O que se sabe é quanto mais avançada a idade, mais difícil se torna mudar hábitos e por isso é tão importante que as crianças comecem a aprender isso desde cedo.


Mais do que uma orientação, a questão é também uma necessidade. No Brasil, o percentual de crianças com excesso de peso, entre 5 e 9 anos, chega a 33,5% e chamam a atenção para a questão. Segundo o médico especialista pesquisador da área da nutrição Patrick Rocha, as crianças estão cada vez mais sedentárias e comendo pior e, por isso, adoecendo com mais frequência.


Para ajudar pais e educadores na escolha de uma alimentação mais equilibrada para o pequenos, Dr. Rocha selecionou seis alimentos fundamentais que podem ocupar o lugar dos pães, salgadinhos e biscoitos, na dieta diária e colaborarem com o bom desenvolvimento físico e cognitivo das crianças:

 

1. Ovos

Depois do leite materno esse é o alimentos mais saudável que existe. Prefira os ovos caipiras que são mais nutritivos e saborosos.

 

2. Abacate

É uma fruta excelente para crianças. É rica em vitaminas e gorduras saudáveis.

 

3. Coalhada ou Iogurte Natural Integral

Vai ajudar e desenvolver uma flora intestinal saudável, melhorando a absorção de nutrientes e prevenindo o sobrepeso e a obesidade infantil. Se for adoçado, o indicado é consumir com stévia ou batido com alguma fruta doce como banana ou mamão.

 

4. Coco

Nas suas variadas formas, o coco seja a água de coco, a polpa, o coco ralado (não adoçado), o óleo de coco é um alimento muito benéfico para a saúde infantil. Rico em gorduras saudáveis ele ajuda a combater até infecções (gripes, verminoses, bactérias), sendo um alimento funcional excelente.

 

5. Peixes

De preferência frescos e criados naturalmente (mar ou rio), os peixes são ricos em proteínas e gorduras saudáveis e também são ricos em ômega 3, fundamental para a saúde do cérebro da criança, melhorando seu crescimento e desenvolvimento.


6) Hortaliças e Legumes

São ricos em vitaminas e fibras principalmente. Quanto mais variedade nas cores melhor para a saúde da criança. Esses são os principais exemplos.

 

 

    • Parceiro de Conteúdo

 

                logo ABQV p