7 alimentos que você pode comer à noite sem preocupação



em Saúde
7 alimentos que você pode comer à noite sem preocupação

Alimentos que não ajudam a ganhar peso e induzem o sono são aliados da boa saúde e boa forma


Dizem que comer após as 20h é um facilitador do ganho de peso. Na realidade, a razão que por trás do fato de você engordar (ou não ser capaz de emagrecer) provavelmente tem mais a ver com o que você está comendo e quanto você está comendo, em vez da hora do dia que você está comendo.


Petiscar à noite, se feito de maneira saudável, pode oferecer alguns benefícios surpreendentes. Comer a proteína certa à noite pode ajudar a construir músculos enquanto você dorme. Comer carboidratos com baixo índice glicêmico durante a noite pode ajudar a controlar seu açúcar no sangue no dia seguinte e até mesmo a regular seu apetite.


Conheça aqui os melhores alimentos para comer antes de dormir e descanse de estômago cheio e sem culpa:


1. Chocolate amargo (+ de 70%)

O chocolate é visto frequentemente como um alimento proibido - mas há uma grande diferença nutricional entre os tipos. O chocolate amargo não tem o alto conteúdo de açúcar do chocolate tradicional e em vez disso fornece uma quantidade excelente de antioxidantes que diminuem a pressão arterial, melhora, a sensibilidade à insulina, combatem a inflamação e melhoram o seu humor. Da próxima vez que você precisar relaxar à noite, coma um pedacinho de chocolate amargo.

 

2. Pistaches

Pistaches na casca são um lanche noturno excelente porque o processo de descascar consome energia. Quanto mais lentamente você come, menos você vai consumir. Além disso, contêm fibra, biotina, vitamina B6, tiamina, folato, gorduras insaturadas e esteróis vegetais, o que os torna altamente nutritivos e te fazem sentir saciada.

 

3. Sementes de abóbora

A marca de um bom lanche noturno é um alimento que irá satisfazer um desejo irritante enquanto ao mesmo tempo ajudá-lo a relaxar, descontrair e se preparar para a cama. Sementes de abóbora assadas saciam e ajudam a relaxar. Uma porção de sementes de abóbora contém quase 50% da sua ingestão recomendada de magnésio. O magnésio é um mineral essencial que é usado em mais de 300 reações em seu corpo e que frequentemente está em falta no nosso organismo. Uma área chave em que magnésio age é o relaxamento. O magnésio é um relaxante e alimentos com alto teor de magnésio são ideais para ajudar você a relaxar à noite.

 

4. Leitinho quente com mel

A receitinha da vovó tem um fundamento. O leite morno tem sido usado por muito tempo como um indutor do sono, mas o efeito poderia ser mais psicológico do que fisiológico. No entanto, os aminoácidos no leite pode realmente fazem um efeito relaxante no cérebro. Adicionar mel ao seu leite quente vai aumentar um pouco o teor de açúcar do seu leite, mas esse açúcar extra é facilmente digerido e pode estimular os hormônios que formam a serotonina, fazendo com que seu leite quente aja também fisicamente para que você durma melhor.

 

5. Mirtilos congelados

Aqui no Brasil é difícil (e caro) encontrar mirtilos (ou blueberries) secos, mas os congelados são embalados com tantos antioxidantes de alta potência quanto os frescos, porque eles são congelados no pico de maturação. Mirtilos são uns dos melhores alimentos que você pode comer para a sua saúde. A pesquisa mostrou que seus nutrientes podem ajudar a melhorar a função do cérebro e a saúde do coração, além dos antioxidantes e das poucas calorias.


6. Arroz

Isso mesmo. Nova pesquisa mostra que uma dieta contendo arroz está associada a um menor risco de sono pobre de até 46%, em comparação com pão (que não teve efeito) ou macarrão (que piorou a qualidade do sono). Alimentos de alto índice glicêmico como o arroz podem melhorar a produção de triptofano e melatonina, dizem pesquisadores. E todos sabemos que dormir bem é essencial para não ganhar peso.


7. Rolinho de presunto e queijo

Uma pequena fatia de queijo e uma fatia de presunto tem por volta de 100 calorias, o suficiente para parar os grunhidos no estômago tarde da noite, mas não tanto que pese na balança. E isso pode beneficiar sua cintura mais tarde: O queijo está cheio de proteínas de caseína, que, quando consumidas 30 minutos antes da cama, melhoram seu metabolismo no dia seguinte, de acordo com um estudo no British Journal of Nutrition.

 

 

    • Parceiros de Conteúdo

 

logo ABQV p                             logo tricosalus                                  Dell Ambiente