Quer comer menos doces? Veja essas 5 dicas



em Saúde
Quer comer menos doces? Veja essas 5 dicas

Deixar de comer doces é impossível para muita gente, mas dá para diminuir a quantidade e viver melhor

 

Ter vontade de comer um docinho de vez em quando é completamente normal. No entanto, de acordo com a nutricionista Melissa Santos, da Companhia Athletica Curitiba, se o desejo for frequente, ele pode ser um sinal de que sua dieta está desequilibrada.


“Geralmente, a vontade de comer doces ocorre quando estão faltando nutrientes, vitaminas ou minerais. É o próprio corpo buscando o que ele precisa e a pessoa não está ingerindo”, explica a nutricionista. Para esses casos, Melissa tem algumas dicas para amenizar a compulsão.

  1. Naturalmente adocicados

“Busque uma dieta baseada em alimentos mais adocicados, como frutas frescas, desidratadas ou secas e oleaginosas”, recomenda a nutricionista. Ricas em gorduras boas, que geram a sensação de saciedade, as castanhas do pará e de caju, nozes e amêndoas são boas pedidas.

  1. Alternativos

“Existem alguns fitoterápicos e ervas e até mesmo vitaminas e minerais que trabalham diminuindo a compulsão por doce”, afirma a profissional. Além do chá de hibisco e da Garcinia Cambogia, Melissa indica a ingestão de alimentos ricos em vitaminas do complexo B, que podem ser encontradas em cereais integrais, carnes e ovos, por exemplo. O magnésio, que auxilia no aumento da produção de Serotonina – o que diminui a compulsão por doce – está presente em vários tipos de vegetais e folhosos vede-escuros.

  1. Substitutos

De acordo com Melissa, hoje, há uma facilidade de encontrar, até em supermercados, produtos que podem substituir o chocolate ao leite, por exemplo. “Existem variedades de chocolates meio-amargos com maior teor de cacau”. A alfarroba, que é um pó extraído de um tipo de vagem, é um ingrediente com o qual são feitos vários tipos de doce mais saudáveis. “Ela funciona como se fosse um chocolate, mas não contém lactose ou glúten e pode ser incluída na dieta para tentar minimizar essa vontade de doce”, explica.

  1. Reeduque-se

A compulsão e o consumo exagerado de doces podem gerar o aumento de peso e, consequentemente, elevar o risco do desenvolvimento da diabetes. Por isso, é importante reavaliar os hábitos alimentares, junto com um profissional habilitado. “O ideal é sempre fazer a correção da programação alimentar e da dieta do paciente, para que essa vontade não volte”, afirma Melissa.

  1. Aprenda novas receitas

Existe uma infinidade de receitas que usam pouco ou nenhum açúcar e, mesmo assim, conseguem ter o sabor adocicado alcançado com ingredientes naturais.


Aqui no Ganha Quem Perde você aprende várias delas! Dá uma olhada aqui.

 

 

 

 

    • Parceiro de Conteúdo

 

                logo ABQV p